Saúde de Vera Cruz do Oeste é premiada com Selo Prata na Qualidade da Atenção Primária

E-mail Imprimir PDF

Saúde de Vera Cruz do Oeste é premiada com Selo Prata na Qualidade da Atenção Primária

A certificação faz parte do Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde - APSUS, realizado pela Secretaria Estadual da Saúde. Foram avaliados 108 itens de conformidade em padrões de qualidade e efetividade. Oito cidades da regional de Cascavel foram certificadas, sendo que Vera Cruz do Oeste foi destaque na premiação, dos 10 Selos Pratas entregue, 3 foram para o Município.

A cerimônia de certificação foi realizada no último sábado (4), em Cascavel, com a presença do secretário de Estado da Saúde, Antonio Carlos Figueiredo Nardi. De Vera Cruz do Oeste, o prefeito Ednei Sgobi, o presidente da Câmara Municipal Antônio Vieira da Silva, os vereadores Osmair, Ervandil e João, a secretaria de Saúde Ivete Tomasin e servidores das UBS prestigiaram o evento, muito orgulhosos com o reconhecimento.

Dos 25 municípios da 10º Regional somente oito conquistaram os selos até agora. A certificação preza pelo rigor na avaliação dos 108 itens da Tutoria na Atenção Primária à Saúde, que compõe o manual operativo do Selo Prata. Os padrões exigidos passam pela estrutura oferecida nas unidades até o procedimento de trabalhos adotados, objetivando o comprometimento das equipes na busca pela qualidade dos serviços prestados à população.

O Selo Prata  foi concedido as três UBS de Vera Cruz do Oeste. Para o prefeito Ednei a certificação representa um avanço de qualidade no atendimento que veio por meio do comprometimento das equipes de saúde. "O empenho de nossos servidores trouxe a conquista do Selo Bronze no ano passado e agora o Selo Prata, vamos continuar investindo e buscando maior qualidade para alcançarmos o Selo Ouro e Diamante", comemorou Nei.

De acordo com a secretária de Saúde do município, Ivete Gonzatto Tomasin, para conquistar a certificação, as unidades de saúde mudaram a forma de trabalhar, organizando o espaço físico, os fluxos de trabalho e a forma de atendimento. “Agora acompanhamos nossos pacientes mais de perto. Conhecemos as necessidades de cada um deles e podemos atendê-las melhor e de forma mais humanizada”, destaca Ivete.

Ela ressalta que o processo trouxe benefícios inclusive para as equipes que atuam nas unidades de saúde. Com o melhor redimensionamento dos fluxos de atendimento, foi possível aumentar a resolutividade dos atendimento e evitar a sobrecarga dos profissionais.

Outra mudança implementada foi envolver os usuários das unidades no processo de qualificação, mostrando a necessidade das ações implementadas. “Aos poucos estamos mostrando como o fluxo de atendimento funciona, explicamos para quem está na unidade por que alguns casos são prioritários e a receptividade tem sido positiva”, conta Ivete.

A CERTIFICAÇÃO:

Os selos integram o programa de Tutoria na Atenção Primária à Saúde, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Saúde, que busca apoiar os municípios no fortalecimento e qualificação dos serviços de saúde. Para receber a certificação, as unidades devem cumprir uma série de ações que comprovem o compromisso de investir na melhoria da qualidade das atividades desenvolvidas. O programa já tem adesão de 357 municípios paranaenses e 1.067 unidades de saúde em processo de tutoria.

No ano passado Vera Cruz do Oeste conquistou o Selo Bronze na Tutoria, que reconheceu os itens que visam garantir a segurança do cidadão e da equipe. O Selo Prata tem como objetivo aprimorar as ações desenvolvidas e gerenciar os processos de trabalho agregando valor aos cidadãos.

Última atualização ( Qui, 09 de Agosto de 2018 15:44 )  

 


Concurso 2018

Acesso a Informação

Validação de Documentos

Transparência

Diário Oficial